Jardinagem

A macieira selvagem: uma árvore que promove a biodiversidade


Ideal num jardim natural, a macieira selvagem oferece-nos uma bela floração primaveril. Seus frutos são ácidos, logo são deixados para as aves que deles se beneficiam no inverno, quando o alimento é escasso. Plantio, poda manutenção ...

Descubra como cultivar esta pequena árvore em seu jardim.

Malus sylvestris: uma pequena árvore do campo

A macieira selvagem atinge entre 5m e 10m de altura. É caracterizada por uma casca castanha, cobrindo ramos ligeiramente tortos e espinhosos. Suas folhas são primeiro cobertas por pequenos pêlos antes de se tornarem lisas e acetinadas. A folhagem é verde médio, oval e nervurada. Malus sylvestris é adornado com flores brancas ou rosa em maio. Maçãs pequenas com 3-4 cm de diâmetro assumem o controle de setembro a outubro.

Onde colocá-lo no jardim?

A macieira selvagem encontra o seu lugar em qualquer exterior, graças ao seu pequeno tamanho. Assim, chega a compor sebes livres com grandes arbustos. Você também pode plantá-lo em um bosque ou isolado. Combina com sorveira-brava e lilás. Em qualquer caso, dá um estilo natural e bucólico ao jardim.

Uma macieira selvagem comestível?

A maçã tem um sabor forte e azedo, o que valeu a esta árvore o apelido de "Maçã Amarga". Quando as frutas não são muito amargas, algumas fazem gelatinas.

No entanto, é uma árvore que será cultivada por outras razões. Essas frutas pequenas, do tamanho de cerejas, permanecem no local durante grande parte do inverno. Assim, constituem uma reserva alimentar para as aves.

Malus sylvestris também é mel e tem um longo período de floração! É uma árvore ideal para um jardim a favor da biodiversidade.

Como cultivar a macieira selvagem?

Onde e quando plantar a macieira selvagem?

Malus sylvestris aprecia solo profundo, rico e fresco. Não é muito exigente com a natureza do solo e satisfaz-se com o solo comum desde que seja drenado. A exposição à luz garantirá um belo desenvolvimento, a esta árvore de crescimento lento. Portanto, escolha um local ao sol ou à sombra parcial. Certifique-se de manter uma distância de 2,5m ao redor da árvore, para que ela tenha espaço para se desenvolver adequadamente. O plantio ocorre na primavera ou no outono, excluindo os períodos de geada.

Plantação:

Coloque a raiz em uma bacia com água para hidratá-la bem antes de colocá-la no solo. Enquanto isso, cave um buraco com o dobro do volume da raiz. Adicione duas pás de composto ao solo, as macieiras parecem substratos férteis. Se seu solo for pesado, corte-o com areia para torná-lo mais drenante. Em seguida, coloque a bola de raiz no buraco, feche novamente e tampe. Finalmente, regue abundantemente e espalhe uma camada de cobertura morta na base da árvore.

Entrevista:

A cada primavera, adicione um pouco de composto à macieira. Para fazer isso, basta espalhar um pouco aos seus pés. Rústico, suporta invernos rigorosos sem problemas. Esta árvore rasteira não resiste à seca, então lembre-se de regá-la regularmente após o plantio. Então, só água em caso de seca prolongada. A cobertura morta manterá o solo fresco. Por que não dar um pequeno passeio na floresta e recolher algumas folhas para este fim?

Como podar a macieira selvagem?

A poda leve permite que a macieira se mantenha vigorosa e estimule o seu crescimento.

Ocorre no final do inverno, antes da formação de novas folhas. Remova os galhos mortos, que se cruzam ou são muito baixos. Corte também as ventosas, aqueles ramos pequenos e finos que crescem nas axilas dos ramos secundários. Evite remover ramos saudáveis, pois isso afetará o crescimento já lento de Malus sylvestris.


Vídeo: Variedades de maçã (Setembro 2021).